Medição de pH/EC/Temperatura em soluções fonte

Escrito em Postado em Aplicações Indústria Gráfica, Deixe um comentário.

As gráficas utilizam o offset para fabricar produtos como revistas, catálogos, folhetos e embalagens. Uma impressão offset pode abranger de uma até quatro ou mais cores. As quatro cores mais comuns são ciano, magenta, amarelo e preto. Estas quatro cores de tinta podem ser usadas para produzir todas as cores que somos capazes de ver.

O processo de offset é a transferência de uma imagem de uma placa para um rolo, e enfim para um meio, como o papel. Neste processo é importante que a tinta adira ao espaço do qual ocupará a imagem, deixando o espaço restante livre de tinta. Uma solução fonte (também conhecida como solução amortecedora) é usada para recobrir a área livre da imagem da placa e evita a aderência de tinta à esta área.  A tinta da placa se transfere para o rolo litográfico, o qual posteriormente transfere a imagem ao meio de impressão. O pH, a condutividade e a temperatura da solução devem ser medidos para que a impressão seja transferida corretamente à placa e ao rolo. As variações destes parâmetros afetarão a imagem que está sendo transferida. A temperatura alterará devido a cor gerada pela máquina de impressão. Para evitar isto, existem empresas que fabricam esfriadores de solução fonte para conservar assim sua temperatura no valor correto.

A medição da condutividade também é importante na fabricação das soluções fontes a partir de sua concentração, assim como para manter os valores consistentes devido à evaporação e contaminação da referida solução. Os valores mais comuns nestas soluções são de 1.000 a 1.500 µS/cm. É necessário considerar que os valores reais dependerão da condutividade da água e da concentração usada.

A medição de pH também se faz muito importante. Para o processo de impressão offset o valor ideal desta deve estar entre 4.0 e 5.5. Ainda quando as soluções fontes contém tampões para manter o pH, a solução pode se alterar dependendo da alcalinidade da água que se usou para diluí-la, e da contaminação que pode receber do papel e da tinta, por exemplo o papel, que é branco por causa de químicas adicionadas. Se a química usada é uma base, o papel será alcalino. Se as fibras desde papel alcalino se desprenderem durante o processo de impressão e se incorporarem à solução, o valor do pH da solução fonte também será alterado com o tempo.

Aplicação

Uma companhia de impressão offset estava em busca de um medidor multiparâmetro portátil que fosse fácil de usar e tivesse uma longa vida útil. Eles preferiam um medidor portátil à um medidor de bolso, pois estes seriam mais fáceis de se perder em sua fábrica por causa de seu tamanho. O cliente também solicitou que o equipamento tivesse um bom custo benefício.

O HI9811-5 foi a solução, pois este é um medidor portátil muito econômico que realiza medições de pH/EC/TDS e temperatura com uma faixa de condutividade de até 6.000 µS/cm.

Medidor de pH / EC / TDS / temperatura

Este medidor é fácil de usar, possui um design prático, com botões destinados a selecionar o parâmetro de medição. E dois botões de ajuste para realizar a calibração em um ponto para o pH e condutividade. Os sensores de pH, EC e temperatura estão inclusos na sonda HI1285-5 de polipropileno, com sinal amplificado. O eletrodo de pH usa uma junção de fibra e eletrólito em gel, que proporciona uma resposta rápida e reduz a contaminação.

Para o prolongamento de vida do equipamento, o cliente adquiriu uma capa de proteção HI71008. O cliente apreciou a disponibilidade de uma proteção ao produto, além de possuir a cor laranja, que ajuda na localização do equipamento nas instalações de impressão.

Siga-nos